Instituto TIM

Reunião com Setec e IFs sobre a implementação do software

Nos dias 8 e 9 de setembro foram realizadas as primeiras reuniões dos grupos de trabalho para definir diretrizes para a implementação do software TIM Tec nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs). A iniciativa está sendo realizada pelo Instituto TIM com o apoio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação, e tem o objetivo de contribuir com a educação profissional e tecnológica por meio do compartilhamento gratuito da tecnologia e dos cursos de TIM Tec.

Os IFs terão plataformas próprias de cursos online e abertos criadas a partir do software TIM Tec. Nas reuniões em São Paulo (SP), os grupos formados por representantes da Setec e de IFs discutiram como os IFs irão desenvolver e implementar suas plataformas, produzir e compartilhar novos conteúdos e definir uma agenda de instalação.

O encontro também foi uma oportunidade para que os participantes pudessem conhecer melhor o software TIM Tec e tirar dúvidas com a equipe do programa. As impressões foram positivas. “O grupo teve a melhor das visões, até porque já estabeleceu um cronograma de atuação prática. Então com certeza a plataforma foi bem absorvida. Agora vamos perpetuar para os demais Institutos iniciarem as instalações”, afirma Francismara Alves de Oliveira Lima, representante da Setec.

Um dos pontos destacados pelos participantes foi a possibilidade de personalização do software de acordo com as necessidades de cada IF. Os Institutos poderão adaptar as plataformas com as funcionalidades de sua preferência e incluir conteúdo próprio, além de aproveitar os cursos já oferecidos por TIM Tec. “Mesmo que ainda não tenhamos desenvolvido um conteúdo específico, os cursos de TIM Tec já poderão ser disponibilizados para os IFs, cada um com a sua cara. Até o começo do ano que vem já queremos ter a plataforma instalada e operando dentro dos conceitos que forem mais interessantes para a gente”, diz Agnaldo Freire, representante do IF Baiano.

O representante da Setec Paulo Vinícius Zanchet Maciel explica que o objetivo é que o uso da plataforma se expanda nos IFs. “Nossa expectativa é motivar os Institutos a instalar e utilizar a plataforma, abrindo ao público de cursos gerais e de extensão e, gradualmente, fazer com que a plataforma se torne importante e ganhe espaço entre os Institutos”, conclui. Os gestores dos IFs também participam de uma capacitação para o uso da plataforma no começo de novembro, em Brasília (DF).

Também participaram da reunião Luis Otoni Ribeiro, do IF Sul-Rio-Grandense; Maria Gorette Falcão, do IF do Amazonas; Jerônimo Pereira dos Santos, do IF do Rio Grande do Norte; Alexandre Pereira Chahad, do IF de São Paulo; Miguel Fabrício Zamberlan, do IF de Rondônia; Breno Fabrício Terra Azevedo, do IF Fluminense; e Márcio Warris Monteiro, do IF do Pará.

Notícias relacionadas

Por mais mulheres trabalhando na área de TI

Dos 30 cursos publicados na plataforma TIM Tec, 23 são voltados para a área de Tecnologia da Informação (TI) – exploram linguagens de […]

Um glossário para entender o universo de TIM Tec – parte I

MOOC, software livre, documentação, fork, educação a distância… Quem já navegou pela plataforma TIM Tec ou pelo Portal TIM Tec deve ter se […]

Entenda a diferença entre MOOC e Moodle

Há muita gente que confunde os cursos MOOCs com o ambiente virtual de aprendizagem Moodle. Os Institutos Federais da Rede TIM Tec, por […]

Plataforma MOOC do IFPA é lançada durante evento sobre EaD

O Instituto Federal do Pará (IFPA) é a mais nova instituição da Rede e-Tec Brasil a lançar sua plataforma de cursos MOOC, desenvolvida […]