Instituto TIM

Plataforma MOOC dá apoio ao processo seletivo no IF Baiano

A plataforma de cursos MOOC do Instituto Federal Baiano, com sede em Salvador-BA, está sendo utilizada não apenas para ofertar cursos gratuitos para as comunidades interna e externa, mas também como uma ferramenta de marketing e atratividade. O objetivo é que os cursos contribuam para atrair mais alunos ao processo seletivo da instituição, que lançou a plataforma criada a partir do software TIM Tec em 2016.

“A linha de raciocínio é a de que, por meio do acesso à plataforma, com conteúdos correlatos aos dos cursos regulares oferecidos pelo IF Baiano, o aluno possa desenvolver interesse nas áreas afins e, dessa forma, buscar o processo seletivo dos cursos regulares”, explica o assessor especial da Reitoria do Instituto Federal Baiano, Agnaldo Freire. Até o momento, a plataforma do IF Baiano conta com mais de 500 usuários cadastrados. Destes, cerca de 450 usuários se cadastraram após uma transmissão ao vivo pela página do Facebook da instituição, que divulgou a plataforma.

Uma ampla ação de divulgação está sendo planejada junto com a assessoria de comunicação do IF Baiano para o segundo semestre de 2017. A campanha envolverá todos os meios de comunicação da instituição e também distribuirá cartazes divulgando a plataforma em escolas públicas de Ensino Fundamental II e Ensino Médio dos municípios onde estão localizados os campi. A intenção é atrair alunos que possam ter interesse em ingressar nos cursos técnicos integrados ou subsequentes ao Ensino Médio ou nos de nível superior.

Os próprios alunos dos cursos também serão orientados a divulgar a plataforma em atividades que realizarem nas escolas públicas. “As equipes incluirão em seu material o link da plataforma e, em seu discurso, o que é a plataforma e como os alunos podem ter acesso a vários cursos gratuitos. Com isso, espera-se que a divulgação seja potencializada com o uso da plataforma e os resultados sejam melhores a cada novo processo seletivo”, diz Agnaldo. A plataforma do IF Baiano conta com 25 cursos produzidos por TIM Tec. A instituição pretende fazer estudos sobre os usuários antes de criar cursos próprios.

Para o assessor, a versatilidade e a flexibilidade são os diferenciais da plataforma para o usuário, já que os cursos podem ser feitos na sequência que ele preferir. Do ponto de vista da instituição, o principal aspecto positivo é a facilidade para se montar o curso e administrar a plataforma e os requisitos de infraestrutura, que são poucos. “Nossa expectativa é de que essa ferramenta potencialize não só a divulgação do processo seletivo, como também faça parte de projetos de extensão realizados pelos alunos do IF Baiano. Ainda servirá como plataforma para massificação de alguns conteúdos de interesse da comunidade interna e como ferramenta de apoio ao desenvolvimento profissional dos servidores”, relata.

Notícias relacionadas

Por mais mulheres trabalhando na área de TI

Dos 30 cursos publicados na plataforma TIM Tec, 23 são voltados para a área de Tecnologia da Informação (TI) – exploram linguagens de […]

Um glossário para entender o universo de TIM Tec – parte I

MOOC, software livre, documentação, fork, educação a distância… Quem já navegou pela plataforma TIM Tec ou pelo Portal TIM Tec deve ter se […]

Entenda a diferença entre MOOC e Moodle

Há muita gente que confunde os cursos MOOCs com o ambiente virtual de aprendizagem Moodle. Os Institutos Federais da Rede TIM Tec, por […]

Plataforma MOOC do IFPA é lançada durante evento sobre EaD

O Instituto Federal do Pará (IFPA) é a mais nova instituição da Rede e-Tec Brasil a lançar sua plataforma de cursos MOOC, desenvolvida […]